APRESENTAÇÃO

O curso de Pós-Graduação em Saúde Mental, Direitos Humanos e Populações Vulnerabilizadas (Turma 2) surge da necessidade de se desenvolver uma abordagem mais humanizada e inclusiva no trato de questões relacionadas à saúde mental das populações vulnerabilizadas, compreendendo os direitos sociais como um direito constitucional.

Do ponto de vista socioeconômico, as fragilidades das populações vulnerabilizadas se mostram como um desafio complexo e multifacetado que marginaliza e exclui as pessoas para o campo social, do trabalho, da educação, da saúde, entre outros. Tais precariedades necessitam ser melhor trabalhadas, pois ao negligenciar essa complexidade e suas inter relações tem-se por destino uma intensificação do sofrimento psíquico e, consequentemente, comprometimento da saúde mental dessas pessoas.

Percebe-se um hiato na garantia dos direitos humanos às populações vulnerabilizadas, o que nesses grupos influencia diretamente na saúde mental. Entretanto, alguns desses grupos parecem ainda invisibilizados no SUS. Dessa forma, o curso pretende contribuir na formação dos profissionais de saúde mental e afins para desenvolverem as competências, sensibilizando-os e contribuindo para um cuidado universal, integral, equânime e com respeito às diversidades. 

Dessa forma, o curso de especialização nessa temática abordará diversas questões, trazendo possibilidades de reflexão e ações que ultrapassem um modelo reducionista da Psiquiatria, oferecendo ferramentas para ampliar a atenção em saúde mental, visando a promoção, prevenção e tratamento para determinados grupos populacionais que se encontram em maior situação de vulnerabilidade que outros pela sociedade brasileira.

OBJETIVOS


Dialogar com as normativas dos direitos humanos na proteção da dignidade das pessoas em situação de vulnerabilidade;



Desenvolver competências para o reconhecimento das condições de vulnerabilidade com ênfase nos direitos humanos;

Criar novas possibilidades no campo da saúde mental que reconheça as vulnerabilidades como elementos produtores de sofrimento mental e associe associados a violação dos direitos humanos;

Sensibilizar profissionais para a inclusão no Projeto Terapêutico Singular (PTS) ações que viabilizem, respeitem e façam cumprir os direitos humanos das populações vulnerabilizadas.

Disciplinas e Cronograma
Aulas online e ao vivo às quartas-feiras das 19h00 - 22h00

Eixo 1: Teórico Conceitual - Saúde Mental, Direitos Humanos,
Vulnerabilidades/Vulnerabilizações e o SUS

1)
Psiquiatria & Saúde Mental: processos históricos e desafios atuais
6h - Daniel Goulart 
Aula em 23/10/2024
Ementa: História da Loucura; a loucura como doença mental; modelo biomédico e patologização da vida: desdobramentos atuais; História da saúde pública no Brasil; Constituição de 1989 e o SUS Lei 8.080/90 e Lei 8.142/90; Subjetividade, saúde mental e cultura: alternativas e desafios atuais. Princípios, diretrizes e direitos humanos.


2)
Movimentos mundiais da Reforma Psiquiátrica
6h - Alexander Ramalho
Aula em 30/10/2024
Ementa: Crítica e transformação do saber, das instituições psiquiátricas e de suas formas de tratamento. Reformas psiquiátrica Inglaterra, França, Itália.


3)
Bases conceituais da Reforma Psiquiátrica e da Luta Antimanicomial Brasileira
6h  - Marcelo Kimati
Aula em 06/11/2024
Ementa: Movimento da Reforma Psiquiátrica Brasileira e Luta Antimanicomial, mudanças de paradigmas, novas relações das usuárias e dos usuários no contexto da atenção em saúde mental de base comunitária. Saúde Mental - Lei 10.216, portaria 336, 224, 3088, etc... e direitos humanos.


4)
Direitos humanos, Diversidades e Vulnerabilizações: conceitos e interfaces com a saúde mental
6h - 
Aula em 13/11/2024
Ementa: A história dos direitos humanos; conceitos de vulnerabilidades; violações dos direitos e a declaração dos direitos humanos. Cidadania e saúde mental: estudo da relação entre cidadania, direitos humanos e saúde mental, incluindo o papel do Estado e da sociedade na proteção e promoção dos direitos das pessoas com transtornos mentais.


5)
PNH, Direitos Humanos e Movimentos Sociais: uma questão de ética
6h - Rafaela Pinheiro
Aula em 27/11/2024
Ementa: Discutir o Sistema Único de Saúde (SUS) como política de direito constitucional e os desafios para consolidação das diretrizes (Universalidade, integralidade e equidade); dialogar com a Política Nacional de Saúde Mental e a Política Nacional de Humanização sobre os direitos humanos na saúde mental da população em condição vulnerabilizada.


6)
Saúde coletiva, SUS e direitos humanos
6h - Luciana Aleluia
Aula em 04/12/2024
Ementa: Trazer reflexões e instrumentos da saúde coletiva para a garantia dos direitos dos grupos mais vulnerabilizados através dos Sistemas de Informação em Saúde (SIS) pautados pelos princípios da ética do cuidado e das informações no e do território.


Seminário avaliativo
11/12/2024

Eixo 2: Racismos, iniquidades e direitos humanos na Saúde Mental na saúde mental

7)
Raça, etnia, racismos e interseccionalidades
10h - Matheus Ferreira
Aula em 15/01/2025
Ementa: Compreender as diferenças étnico-raciais e o impacto nas desigualdades sociais (racismos); Saúde Mental e racismos (do preconceito ao sofrimento); os indicadores interseccionais na saúde mental.

8)
9. Saúde mental da população negra e DH: da infância à adolescência: desafios e possibilidades no enfrentamento a racismo no campo da Saúde e SM (PNSIPN)
18h - Matheus Ferreira &
Luciana Aleluia
Aulas em 22/01/2025 e 29/01/2025
Ementa: A construção teórico-clínica afro centrada (uma discussão a partir dos teóricos negros) / Infanto juvenil, violação de direitos no campo da saúde mental. A população Negra, as vulnerabilidades e direitos humanos e o uso prejudicial de álcool e outras drogas AD, situação de rua).


9)
Discussão de caso
18h - 
Aula em 05/02/2025
Ementa: Momento dedicado a discussões de estudo de casos.


10)
Saúde mental da população negra e DH: vida adulta e terceira idade: desafios e possibilidades no enfrentamento ao racismo no campo da Saúde e SM (PNSIPN)
6h - Tadeu de Paula
Aula em 12/02/2025 e 19/02/2025
Ementa: Racismo institucional, violência racial e Direitos Humanos na vida de adultos e idosos / Ações afirmativas na Saúde mental. O Impacto da violência racial e institucional na saúde mental da população negra e dos povos originários. O racismo como indicador de violência institucional.


Seminário Avaliativo
26/02/2025

Eixo 3: Gêneros, sexualidades, desigualdades nos DH e Saúde mental

11)
Conceitos e termos: abordar gêneros e sexualidades na Saúde Mental é preciso
18h - Claudio Gruber Mann
Aulas em 12/03/2025 e 19/03/2025
Ementa: Gênero e saúde mental: estudo da influência dos gêneros na saúde mental, incluindo as diferenças no que diz respeito aos transtornos mentais. Sexualidades e saúde mental: abordagem da saúde mental das pessoas com diferentes orientações sexuais e identidades de gênero, incluindo a importância do respeito e da valorização das diversidades. Histórico dos movimentos feministas e a (des)construção do conceito de gênero. Oficina de Sensibilização.


12)
Gêneros e Sexualidades na Infância e Adolescência: vulnerabilidades e possibilidades
18h - Claudio Gruber Mann
Aulas em 26/03/2025 e 02/04/2025
Ementa: Discutir gêneros e sexualidades como instrumentos de educação em sexualidades nas escolas e em serviços de saúde e saúde mental; Impacto das violências infantojuvenis na saúde mental dessa população; Desafios e possibilidades no cuidado em saúde mental infantojuvenil sob a perspectiva dos direitos humanos de crianças e adolescentes. Discussão de situações problemas.


13)
Saúde Mental e a população LGBTQIAPN+: entre estigmas e preconceitos
30h - Marcos Signoreli e Helena Cortes
Aulas em 09/04/2025 e 16/04/2025
Ementa: Histórico dos movimentos LGBTQIAPN+ e a interface com os direitos humanos. Apresentação e discussão da Política Nacional de Saúde Integral de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (PNLGBT): conquistas e desafios. Impacto da LGBTQIAPN+ fobia na saúde mental dessa população.


14)
Vulnerabilização das PVHIVA: do nascimento ao envelhecimento
6h - Salvador Correa
Aula em 23/04/2025
Ementa: Luta dos movimentos de PVHIVA em Direitos Humanos. A saúde mental da PVHIVA e o impacto do cuidado nos ciclos de vida dessa população (infância, adolescência, velhice). Discriminação e preconceito contra PVHIVA (gravidez, pessoas sorodiscordantes, etarismo).


15)
Direitos humanos, gêneros e o uso e abuso de álcool e outras drogas
12h - Marcelo Kimati
Aulas em 30/04/2025 e 07/05/2025
Ementa: Uso e abuso de álcool e outras drogas e o impacto na saúde mental. Interface entre os direitos humanos, uso e abuso de álcool e outras drogas e gêneros. A Política Nacional de Álcool, Crack e outras drogas: avanços, retrocessos e desafios. Política de Redução de Danos e os DH.


Seminário avaliativo 3
14/05/2025

Eixo 4: O direito à saúde mental dos povos itinerantes (pessoas em situação de rua, imigrantes, ciganos, refugiados)

16)
Nomadismo, território, itinerância e errância: desafios para garantia dos DH e do Cuidado
6h - Rafaela Pinheiro
Aula em 21/05/2025
Ementa: A vulnerabilidade do nomadismo, o território itinerante para as pessoas em volatilidade geográfica.


17)
Os processos migratórios e o cuidar em SM: imigrantes, migrantes, refugiados
6h - Henrique Balero
Aula em 28/05/2025
Ementa: Desafios para um cuidado linear. Pessoas em situação de rua, imigrantes, ciganos e seus ciclos de vida. (da gestação ao envelhecer). O trabalho das ONGs de acolhimento e ajuda a essas populações.


18)
Saúde mental e o cuidado permanente da população em situação de rua (RD, Consultório na Rua)
20h
Aulas em 04/06/2025 e 11/06/2025
Ementa: Consultório na rua e Redução de Danos (RD): porta de entrada e cuidado permanente. Histórico do CnRua e suas interfaces com a SM e DH. Pessoas em situação de rua, imigrantes e a territorialização do cuidado.


19)
Discussão de caso
3h
Aula em 18/06/2025
Ementa: Momento dedicado a discussão de casos.


Seminário avaliativo
25/06/2025

Eixo 5: Pessoas em condições de isolamento social (sistema prisional, Casa de custódia, comunidades terapêuticas e internações de longa permanência, adolescente em conflito com a lei)

20)
História e Evolução do Sistema Prisional Brasileiro (perfil, superlotação, violação dos DH…)
12h - Maynar Vorga
Aulas em 02/07/2025 e 09/07/2025
Ementa: Histórico e evolução; conceito e tipos de instituições; perfil da população privada de liberdade, violência, desumanização, condições de vida e saúde.


21)
Aspectos jurídicos: Sofrimento psíquico, conflitos com a lei e isolamento social
12h
Aulas em 16/07/2025 e 23/07/2025
Ementa: Aspectos jurídicos: legislação brasileira e internacional; direitos humanos e garantias fundamentais; papel do Estado e da sociedade na proteção dos direitos dos indivíduos em isolamento social.



22) 
Internações de Longa Permanência: DH e desinstitucionalização
12h - Alexander Ramalho
Aulas em 30/07/2025 e 06/08/2025
Ementa: Histórico dos serviços com internações de longa permanência; experiências exitosas em processos de desinstitucionalização; a importância da desinstitucionalização para o cuidado em saúde mental e garantia dos Direitos Humanos e discussão sobre a trans desinstitucionalização.


23) 
Relação com a Família e com a Sociedade em Instituições de Isolamento Social
12h - 
Aulas em 13/08/2025 e 20/08/2025
Ementa: O papel da família com as pessoas em isolamento social e sua relação com a sociedade e instituições. Cuidando da saúde mental de quem cuida.


Seminário avaliativo
27/08/2025

Eixo 6 - Direitos humanos e SM dos povos dos Campos, Florestas e Águas (PNSIPCFA)

24) 
Saúde mental da População Quilombola e DH: Desafios e possibilidades no enfrentamento ao racismo no campo da Saúde e SM (PNSIPN)
6h - 
Aula em 03/09/2025
Ementa: Explorar as especificidades da saúde mental nas comunidades quilombolas, destacando a interseção entre direitos humanos, determinantes sociais e práticas culturais. Abordar o impacto do racismo estrutural e promover estratégias de promoção de saúde mental baseadas na valorização da identidade e na resistência quilombola


25)
Saúde Mental dos povos Indígenas e DH: da infância à adolescência
12h - 
Aula em 10/09/2025
Ementa: Povos originários, as vulnerabilidades e direitos humanos na perspectiva da infância e adolescência (gênero, violências, educação antirracista).


26)
Saúde mental dos povos Indígenas e DH: vida adulta e terceira idade
12h - Iterniza Macuxi
Aula em 17/09/2025 e 24/09/2025
Ementa: Vida adulta (trabalho, AD, Condições socioeconômicas) e idoso (vulnerabilidades para a saúde mental neste ciclo e interface com os DH).


27)
Saúde mental da População Ribeirinha e marisqueira DH
6h - Ruth Helena Cristo
Aula em 01/10/2025
Ementa: Examinar as particularidades da saúde mental dessas comunidades, enfocando a interseção entre direitos humanos, condições socioambientais e práticas culturais. Aborda os impactos das mudanças climáticas e socioeconômicas, promovendo estratégias de cuidado e valorização das identidades ribeirinhas e marisqueiras.


28)
DH e Saúde Mental das pessoas Assentadas e Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais
6h
Aula em 08/10/2025
Ementa: Abordar as especificidades da saúde mental dessas populações, focando na interseção entre direitos humanos, condições de trabalho e vida no campo. Discutir os impactos da reforma agrária, do acesso à terra e das condições laborais, promovendo estratégias de cuidado e fortalecimento comunitário.


29)
Preparação, abordagens e respostas a desastres naturais por profissionais de SM
6h - Rodrigo Nogueira (Brumadinho)
Aulas em 15/10/2025 e 22/10/2025
Ementa: Gestão de comando em emergências, apoio psicossocial, gestão de abrigos temporários e estratégias de comunicação de risco. Identificar ameaças, vulnerabilidades e riscos associados a incidentes, emergências, desastres e catástrofes, além de desenvolver estratégias de gestão de risco em saúde e em saúde mental.


30)
Estratégias de cuidados na Rede de Atenção Psicossocial (RAPS), DH e sociedade civil: o PTS como cuidado
20h - Rossana Seabra
Aulas em 29/10/2025 e 05/11/2025
Ementa: Projeto Terapêutico Singular e seus princípios norteadores: acolhimento, autonomia, garantias de direitos e cuidado. O PTS deve consistir em ações de práticas voltadas para garantia e qualidade de direitos; O que podemos fazer? / O que não podemos fazer e por quê? / Como superamos esses desafios?


31) 
Encontros para que a turma construa e apresente, em grupos, situações problema e possibilidades do PTS, com 20 minutos para cada grupo (10 apresentação e 10 discussões)
18h - Claudio G. Mann, Rossana Seabra e Luciana Aleluia
Aulas em 12/11/2025 e 19/11/2025
Ementas: 2 encontros para que a turma construa e apresente, em grupos, situações problema e possibilidades do PTS, com 20 minutos para cada grupo (10 de apresentação e 10 de discussão)

Corpo Docente

Conheça nosso corpo docente

Título do Vídeo
Luciana Alleluia / Coordenadora
Título do Vídeo
Dr. Claudio Mann / Coordenador
Título do Vídeo
Dr. Marcelo Kimati

METODOLOGIA

Aulas Interativas
As aulas serão interativas com discussões, debates, filmes, documentários, textos, oferecendo um espaço mais dinâmico de trocas de experiências que promovam um pensar crítico no âmbito da saúde mental.
Área do Aluno
Ao entrar no curso, você terá acesso a área do aluno, um portal que tem como objetivo auxiliar seu processo de estudo e aprendizagem.
Conteúdo 100% Online
Aulas ao vivo às quartas-feiras das 19h00 ás 22h00. Trilha de aprendizagem com materiais teóricos, vídeos e slides. Materiais das aulas e materiais complementares.
Supervisões de atendimente e discussão de planos terapêuticos

A supervisões serão encontros online realizados em um período de 3 horas em cada um. Os alunos que desejarem discutir casos deverão encaminhar previamente e fazer uma pequena apresentação para todos os participantes. Será criado um plano terapêutico após discussão, que será acompanhado nos encontros subsequentes.

Total de 4 encontros no decorrer do curso.

AVALIAÇÃO

  • No final de cada bloco de disciplinas, o aluno será avaliado através da realização dos Seminários;
  • Trabalho de Conclusão do Curso - no final do último bloco, sob orientação dos docentes do módulo, o aluno realizará um Planejamento de ações e estratégia em redes, por meio de um projeto.

Perfil do Público Alvo

O curso destina-se às/aos profissionais da área da saúde – em especial da saúde mental –, educação e assistência. Pretende-se que alunas e alunos desenvolvam competências empático-relacionais, técnicas e críticas para lidar com os direitos humanos das pessoas vulnerabilizadas. Espera-se ainda que, ao término do curso, as/os estudantes desenvolvam as habilidades necessárias para oferecer um cuidado pautado pelos direitos humanos e suas interfaces com a saúde mental.
Imagem
image
Certificação
A Faculdade Censupeg Nota 5 no MEC é a responsável pelo projeto pedagógico, regulamentos específicos, as condições de oferta obedecem as disposições legais vigentes e pela Certificação do aluno. A Faculdade CENSUPEG, situada em Joinville, SC, credenciada pela portaria No 1.596, de 10 de Setembro de 2019, publicada no D.O.U ( Diário Oficial da União) no dia 12 de Setembro de 2019. O Certificado será emitido com a carga horária de 374 horas ao final da formação.



INVESTIMENTO

R$ 5.840,00
20x R$ 292,00*
O desconto pontualidade de 6% de desconto no valor da mensalidade
Pagamento via boleto bancário
Duração do curso: 12 meses
Carga horária: 374 horas
Início das aulas: 23 de outubro de 2024

* Valor referente ao desconto de 6% no valor da mensalidade para pagamento na data. O desconto pontualidade visa estimular o acadêmico ao pagamento da mensalidade até a data do vencimento.

Importante: O investimento na mensalidade da Pós-graduação pode ser deduzidos no Imposto de Renda.

Carteira de Estudante: A carteirinha de estudante dá o direito ao benefício de meia-entrada em shows, teatros e outros eventos culturais e esportivos.

Como você pode garantir sua vaga?

Ficou interessado em fazer parte desta turma da Especialização. Tudo o que você precisa fazer agora é preencher formulário abaixo para aplicar para o Pós-Graduação em Saúde Mental, Direitos Humanos e Populações Vulnerabilizadas (Turma 2).

Passo 1: Preencha o formulário de cadastro e aproveite a abertura desta turma. Temos apenas 50 vagas.

Passo 2: Você receberá uma ligação para fazer uma curta entrevista.

IMPORTANTE:

O objetivo dessa ligação é identificar se essa especialização é o ideal para você e se você é a pessoa ideal para essa oportunidade. Fique atento ao seu telefone e revise o número que você colocar na aplicação.



Ficou interessado em fazer parte da Pós-Gradução em Saúde Mental?

FAÇA SUA APLICAÇÃO NA PÓS-GRADUAÇÃO

Perguntas Frequentes

A Pós-graduação ONLINE: "Saúde Mental, Direitos Humanos e Populações Vulnerabilizadas" é reconhecido pelo MEC?

Sim, A Pós-Graduação é uma parceria do Cenat e da Faculdade Censupeg. A Faculdade Censupeg Nota 5 no MEC é a responsável pelo projeto pedagógico, regulamentos específicos, as condições de oferta obedecem as disposições legais vigentes e pela Certificação do aluno. A Faculdade CENSUPEG, situada em Joinville, SC, credenciada pela portaria No 1.596, de 10 de Setembro de 2019, publicada no D.O.U ( Diário Oficial da União) no dia 12 de Setembro de 2019. O Certificado será emitido com a carga horária de 374 horas ao final da formação. Reconhecido pelo MEC, constando os nomes dos professores do curso. O cursos de Pós-Graduação Lato Sensu do Cenat é certificado pela Faculdade Censupeg, que é responsável pela Direção Acadêmica do curso.

Pode iniciar a Pós-graduação antes terminar graduação?

De acordo com o Ministério da Educação, uma pós pode ser iniciada por pessoas que possuem diploma da graduação. Portanto, fica claro que não é possível cursar uma especialização antes de terminar a faculdade.

Quem pode fazer uma Pós-Graduação?

De acordo com a resolução CNE/CES nº 1/2018 do MEC, os cursos de pós-graduaçãopodem ser oferecidos para aqueles indivíduos que já possuem um diploma de Ensino Superior, seja ele referente a um bacharelado, a uma licenciatura ou a um tecnólogo.

O que é uma Pós-Graduação?

Essa pergunta é muito comum. Uma Pós-Graduação é a continuidade e o aperfeiçoamento dos estudos da Graduação, seja ela bacharelado, licenciatura ou tecnólogo. A Pós pode ser uma Especialização em determinada disciplina da área, mas também pode ser um Mestrado ou um Doutorado.

A Diferença entre Pos-Graduação Lato senso e Stricto sensu

A Especialização é um tipo de Pós-Graduação, conhecida como lato sensu, cujo foco é trazer conhecimentos avançados para o aluno, a fim de atender às demandas do mercado de trabalho. A Pós-Graduação ainda abriga as possibilidades de Mestrado e Doutorado, que são cursos stricto sensu, ou seja, têm o objetivo de aprofundar os conhecimentos através de pesquisas acadêmicas. A Pós-Graduação lato sensu é mais voltada para o mercado de trabalho, como, por exemplo, as Especializações e os MBAs. Já os cursos stricto sensu são destinados aos programas de Mestrado e Doutorado, atuando, portanto, na área acadêmica, desenvolvendo pesquisas que vão contribuir para o campo de estudo e dando aos alunos um título de Mestre ou Doutor.  

Preciso fazer TCC?

A avaliação de conteúdo será feita no final de cada bloco em atividades reflexivas. No final do último bloco será realizada a avaliação final, que será a construção de um projeto terapêutico singular, não sendo portanto necessário realizar um TCC.

1.Participação nas aulas;
2.Participação nos seminários;
3. No final de cada bloco de disciplinas, será avaliado o aluno pelas atividades reflexivas;
4. Atividade - no final do último bloco sob orientação dos docentes do módulo, o aluno realizará Planejamento de ações e estratégia em redes, por meio do projeto terapêutico singular.

Quanto tempo dura?

A Especialização em Saúde Mental tem a duração de 374 horas, o que corresponde a 14 meses de estudos, sendo dividido em 5 eixos diferentes.

Qual é o título de quem faz especialização?

A especialização é um tipo de pós-graduação que tem como objetivo aprimorar os conhecimentos técnicos do profissional em uma área específica de sua carreira. Quem conclui um curso de especialização recebe o título de especialista.

Contato

  • Atendimento por email
    Entre em contato com nossa equipe pelo
    e-mail: processoseletivo@cenatcursos.com.br
  • Atendimento por WhatsApp
    Para tirar dúvidas sobre a inscrição do curso: (12) 99185-1221
  • Ainda tem alguma dúvida?
    Fale com a nossa Consultora Victoria Rodrigues